Implantada pela gestão Suzana Ramos, usina de oxigênio da UPA de Juazeiro colabora com a celeridade do processo de alta de pacientes

Início Implantada pela gestão Suzana Ramos, usina de oxigênio da UPA de Juazeiro colabora com a celeridade do processo de alta de pacientes

Implantada pela gestão Suzana Ramos, usina de oxigênio da UPA de Juazeiro colabora com a celeridade do processo de alta de pacientes

Secretaria de Saúde

Autor: Comunicação

Implantada pela gestão Suzana Ramos, usina de oxigênio da UPA de Juazeiro colabora com a celeridade do processo de alta de pacientes

Em funcionamento desde agosto de 2022, a usina de oxigênio da Unidade de Pronto Atendimento de Juazeiro (UPA) vem dando celeridade ao processo de alta dos pacientes que necessitam de suporte domiciliar de O2. A instalação do equipamento faz parte do plano de reestruturação da saúde pública da Prefeitura de Juazeiro, executado pela Secretaria de […]

23/01/2023 9h20 Atualizado há 2 semanas atrás

Em funcionamento desde agosto de 2022, a usina de oxigênio da Unidade de Pronto Atendimento de Juazeiro (UPA) vem dando celeridade ao processo de alta dos pacientes que necessitam de suporte domiciliar de O2. A instalação do equipamento faz parte do plano de reestruturação da saúde pública da Prefeitura de Juazeiro, executado pela Secretaria de Saúde (Sesau).

“A implantação da usina de oxigênio, esse serviço tão fundamental, representa o compromisso da nossa gestão com a saúde do juazeirense. Como todos sabemos, o oxigênio é essencial para oferecer melhor qualidade de vida e reabilitação aos pacientes, por isso, também traduz o plano de reestruturação desse setor em nosso município”, enfatiza a prefeita Suzana Ramos.

A produção própria vem facilitando a liberação dos pacientes que estão aptos a receberem alta, mas precisam do suporte domiciliar de oxigênio. “Quando não tínhamos a usina o paciente demorava muito na instituição, porque precisávamos solicitar à empresa fornecedora o suporte domiciliar de oxigênio, o que demorava até uma semana. Hoje, conseguimos liberar o paciente no mesmo dia”, explicou a diretora da UPA, Andreza Monteiro.

A usina consegue encher, a cada hora, 13 m³ (metros cúbicos) e trouxe autossuficiência na produção do gás que é distribuído nos setores da UPA e em outras unidades da rede municipal de Juazeiro.

Texto: Marcela Cavalcanti – Ascom/Sesau/PMJ
Fotos: Luan Medrado/PMJ


Facebook Instagram Youtube