UBS referência para síndromes gripais aos sábados em Juazeiro tem número reduzido de atendimento

Início UBS referência para síndromes gripais aos sábados em Juazeiro tem número reduzido de atendimento

UBS referência para síndromes gripais aos sábados em Juazeiro tem número reduzido de atendimento

Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária - ADEAPAutarquia Municipal de Abastecimento - AMACasa dos ConselhosChefia de GabineteCompanhia de Segurança, Trânsito e Transporte - CSTTInstituto de Previdência de Juazeiro - IPJSecretaria de Administração - SEADSecretaria de Comunicação - SECOMSecretaria de Cultura, Turismo e Esportes - SECULTESecretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e DiversidadeSecretaria de Educação e Juventude - SEDUCSecretaria de Finanças - SEFINSecretaria de Gestão de Pessoas - SEGESPSecretaria de GovernoSecretaria de Meio Ambiente e Ordenamento UrbanoSecretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano - SEDURSecretaria de SaúdeSecretaria de Serviços PúblicosServiço de Água e Saneamento Ambiental - SAAE

Autor: Comunicação

UBS referência para síndromes gripais aos sábados em Juazeiro tem número reduzido de atendimento

A Unidade Básica de Saúde (UBS) João Paulo II, a qual é referência para sintomáticos respiratórios aos sábados, registrou mais uma redução no número de atendimentos no último sábado (12). A unidade atendeu apenas 12 pessoas e todas testaram negativo para Covid-19. A UBS João Paulo II passou a ser aberta aos sábados para atender […]

14/03/2022 11h17 Atualizado há 9 meses atrás

A Unidade Básica de Saúde (UBS) João Paulo II, a qual é referência para sintomáticos respiratórios aos sábados, registrou mais uma redução no número de atendimentos no último sábado (12). A unidade atendeu apenas 12 pessoas e todas testaram negativo para Covid-19.

A UBS João Paulo II passou a ser aberta aos sábados para atender a demanda de casos leves de sintomáticos respiratórios que acabavam indo para as urgências. Junto com a UBS Mussambê, as duas unidades absorveram uma grande demanda de pacientes que dividiriam os atendimentos na rede especializada. “Quando resolvemos montar a estratégia de abertura das duas UBSs, foi em um período em que estávamos com uma alta demanda de pessoas com sintomas gripais, do final de dezembro do ano passado para janeiro deste ano. Dois meses após o funcionamento das UBSs, estamos felizes que o método utilizado teve o sucesso esperado. Hoje em dia temos a rede de saúde mais tranquila para sintomáticos respiratórios”, disse o secretário de Saúde de Juazeiro, Fernando Costa.

Devido à baixíssima procura, já não houve necessidade da abertura da UBS Mussambê desde o último sábado. Em um mês a UBS Mussambê passou de 18 atendimentos em 26 de fevereiro para um atendimento no dia 5 de março. Devido à queda abrupta também na UBS João Paulo II, a equipe técnica da Secretaria de Saúde irá verificar a necessidade em manter ou não os atendimentos na UBS João Paulo II. “Ainda esta semana iremos fazer um levantamento de todos os atendimentos na nossa rede de saúde, analisando o cenário epidemiológico que leve à suspensão ou não dos atendimentos da UBS João Paulo II aos sábados”, ressaltou o secretário de Saúde de Juazeiro.

Atendimentos na rede especializada

Desde que as UBSs referência aos sábado iniciaram, foi notável uma queda no número de atendimentos para sintomáticos respiratórios na rede especializada, ou seja, Hospital de Campanha e Unidade Pediátrica.

Em dezembro de 2021, o Hospital de Campanha realizou quase 1.700 atendimentos. Em fevereiro o número foi de 725. “No último sábado, o Hospital de Campanha realizou das 7h30 às 13h30, quando a UBS João Paulo II estava em funcionamento, cinco atendimentos e a Uped teve apenas três atendimentos para pessoas com sintomas gripais”, disse o superintendente da Atenção Especializada, Eduardo Rafael de Sousa Neto.

Texto: Amanda Franco – Ascom/Sesau/PMJ


Facebook Instagram Youtube