Prefeitura de Juazeiro já realizou mais de 200 cirurgias pediátricas

Início Prefeitura de Juazeiro já realizou mais de 200 cirurgias pediátricas

A Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Saúde, já realizou mais de 200 cirurgias pediátricas, desde junho deste ano, após a ampliação dos atendimentos cirúrgicos de pequeno e médio porte, a pacientes que anteriormente precisavam ser encaminhados à Salvador ou Feira de Santana, através do Tratamento Fora de Domicílio (TFD).

“Juazeiro ganha de várias formas com a realização destas cirurgias aqui no município. Os pacientes são beneficiados com a rapidez das marcações e a realização do procedimento, que antes aguardavam a marcação da regulação; o período de internamento ou observação é reduzido e a comodidade do paciente que não precisa mais se deslocar para outra cidade”, destaca o Superintendente de Atenção Especializada da Secretaria de Saúde (SESAU), Eduardo Rafael de Sousa Neto.


O Secretário de Saúde, Fernando Costa, ressalta a satisfação de ofertar a população este serviço. “É muito gratificante conseguir disponibilizar mais este benefício aos nossos cidadãos. Como médico, sei da importância de alguns tratamentos cirúrgicos ainda na primeira infância e o quanto é benéfico para a melhora na qualidade de vida do paciente”, ressaltou.

“Depois da cirurgia meu filho vive falando: Mamãe, eu me sinto outra criança!”, relata Carla Thamires de Melo, de 27 anos, mãe do pequeno Pedro Rafael, de 10 anos. A mãe conta que o filho sempre se queixava dos incômodos causados pela fimose. Após a avaliação e os exames pré-cirúrgicos, a cirurgia foi agendada e realizada rapidamente.

“A cirurgia e a recuperação dele foi excelente, eu agradeço muito a toda a equipe, e em especial ao Dr. Thiago Paixão, o cirurgião pediátrico que atendeu meu filho, que foi muito bem tratado, antes e depois da cirurgia. Eu não tenho palavras para expressar toda minha gratidão”, destacou a mãe de Pedro Rafael.

Fluxo

Os atendimentos cirúrgicos pediátricos são realizados no Hospital São Lucas. “A triagem é feita pela Unidade Básica de Saúde (UBS) de referência em que o paciente é assistido, que o encaminha para o médico especialista, que avalia, solicita os exames pré-operatórios e o agendamento da cirurgia”, destacou o Superintendente, Eduardo Rafael.

 


Texto: Ângela Monteclaro
Fotos: Pedro Ângelo – Ascom/PMJ
Fernanda Barros – Secretária de Comunicação PMJ

Compartilhar