Nutricionista da Secretaria de Saúde de Juazeiro dá dicas de alimentação para as férias escolares

Início Nutricionista da Secretaria de Saúde de Juazeiro dá dicas de alimentação para as férias escolares

As férias escolares chegaram e com ela muita brincadeira, diversão e tempo livre para passear, viajar e comer à vontade. Pensando nisso, a Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Saúde (Sesau), traz algumas dicas de alimentos saudáveis que podem ser incluídos durante as refeições das crianças, principalmente nas férias.

“Nesse período, com a mudança na rotina, as crianças têm mais acesso a alimentos processados e ultraprocessados, por serem práticos e saborosos. Mas podemos incluir também alimentos in natura ricos em vitaminas e minerais como os carboidratos que são alimentos energéticos a exemplo de pães integrais, bolos caseiros, tapioca, pipoca. As proteínas, encontradas no leite, ovos, queijos, carnes magras, são alimentos construtores e fundamentais para o crescimento, e podemos agregar também receitas saudáveis e preparos diferentes como sucos naturais, salada de fruta e sanduíches saudáveis”, pontuou a gerente de assistência nutricional da Sesau, Beatriz Lopes.

Beatriz também dá ótimas dicas de como acrescentar cores nas saladas com alimentos como gergelim e castanhas, além de receitas de molhos para trazer mais sabor na hora da refeição. “Uma opção é o suco de laranja com azeite de oliva e raspa de laranja misturado com um mix de temperos naturais. Outra dica é iogurte com pepino picado, suco de limão e coentro. E podendo fazer também um molho com mostarda, azeite de oliva, suco de limão e mel”, ressaltou.

Mesmo nas férias, Beatriz Lopes reforça que é fundamental manter um horário para as refeições, bem como, a prática de atividades físicas. “Quando se fala em feiras escolares, já imaginamos passeio na casa dos avós, mais tempo livre em casa e logo, as crianças a todo o momento se alimentando, fazendo lanches. Então é importante ficar atento para manter uma rotina diária para as refeições e também reservar um tempo para brincar ao ar livre, correr, jogar bola. Essas práticas irão evitar prejuízos a curto e longo prazo para a saúde das crianças, e principalmente a imunidade, que no verão acaba diminuindo”, frisou a gerente de assistência nutricional da Sesau.

Texto: Aucilania Soares – Ascom/Sesau/PMJ

Compartilhar