‘Julho Amarelo’: Juazeiro realiza ação de luta contra as hepatites virais

Início ‘Julho Amarelo’: Juazeiro realiza ação de luta contra as hepatites virais

A Secretaria de Saúde de Juazeiro (Sesau) organizou uma programação com ações para chamar a atenção para as hepatites virais. A programação é alusiva ao ‘Julho Amarelo’, um mês de luta contra estas doenças relacionadas ao fígado.

No dia 25 de julho, a equipe do Centro de Informação IST/HIV/Aids e Hepatites Virais (CIDHA) de Juazeiro estará no Abrigo São Vicente de Paulo. Na ação, o Núcleo de Educação e Promoção à Saúde (NEPS) fará uma atividade lúdica com os idosos que residem no abrigo. Também haverá testagem para detecção das hepatites B e C com os idosos e os profissionais que trabalham no local.

Também haverá programação da Rede de Atenção Básica do município. De 25 a 29 de julho, todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) estarão com atividades educativas sobre as hepatites virais, com testagem para as doenças e vacinação contra hepatites A e B.

Hepatites Virais

As hepatites virais são doenças infecciosas que atingem o fígado, causando alterações que vão de leve a grave. Existem vários tipos de hepatites virais: Hepatite A, Hepatite B, Hepatite C, Hepatite D e Hepatite E. Alguns sintomas podem surgir em quadros agudos, como febre, icterícia, fadiga, náusea, vômito e urina escura.

Tratamento

A pessoa que testa positivo para hepatites virais é atendida pelas equipes de enfermagem do município. Um novo exame para confirmação de diagnóstico é realizado e em até 30 dias o resultado é liberado. Se confirmada a doença, o paciente é encaminhado ao médico especialista.

Testes

A população pode realizar, gratuitamente, os testes rápidos para detecção de Hepatites Virais no CIDHA em Juazeiro, que fica ao lado do Centro de Saúde III, no bairro Angary. Em poucos minutos é possível saber o resultado. O CIDHA funciona de segunda a sexta-feira e o exame é feito no turno da manhã. Para realizar o teste, é preciso que a pessoa leve documento de identificação com foto e o Cartão SUS.

Texto: Amanda Franco – Ascom Sesau PMJ

Compartilhar

Facebook Instagram Youtube