Juazeiro: Secretaria de Saúde orienta quanto à prevenção de acidentes com animais peçonhentos

Início Juazeiro: Secretaria de Saúde orienta quanto à prevenção de acidentes com animais peçonhentos

Juazeiro: Secretaria de Saúde orienta quanto à prevenção de acidentes com animais peçonhentos

Secretaria de Saúde

Autor: Comunicação

Juazeiro: Secretaria de Saúde orienta quanto à prevenção de acidentes com animais peçonhentos

Com o clima mais úmido pelo aumento no volume de chuvas e o calor característico da região, o aparecimento de animais peçonhentos como cobras, aranhas e escorpiões se torna mais comum nessa época do ano. Por isso, a Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Saúde (Sesau) orienta as pessoas quanto a medidas simples para […]

28/11/2022 8h40 Atualizado há 2 meses atrás

Com o clima mais úmido pelo aumento no volume de chuvas e o calor característico da região, o aparecimento de animais peçonhentos como cobras, aranhas e escorpiões se torna mais comum nessa época do ano. Por isso, a Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Saúde (Sesau) orienta as pessoas quanto a medidas simples para evitar acidentes com estes animais.

De acordo com a veterinária da Secretaria de Saúde, Graziella Vasconcelos, a prevenção resume-se a evitar o acesso, alimento e abrigo para estes animais. “Animais peçonhentos como algumas espécies de cobras, aranhas e escorpiões podem provocar acidentes e eles podem ser fatais. E para evitar esses acidentes, o mais importante é proteger a nossa casa, evitando assim que esses animais encontrem abrigo e alimento. Então, mantenha o quintal, jardim sempre limpos, lixeiras sempre tampadas, evitando atrair as baratas que servem de alimento para esses animais, e evitar o acúmulo de entulhos. Dentro de casa, proteja os ralos, as frestas das portas e janelas; Evitar encostar camas e berços da parede; Sacudir as roupas quando tirar dos armários e verificar os sapatos antes de calçar”, explicou.

Em caso de acidente, a orientação é de que a vítima procure imediatamente a unidade de saúde mais próxima. Outra ação importante para prevenir o aparecimento desses animais é preservar os seus predadores naturais como, aves de hábitos noturnos (corujas), lagartos, lagartixas e sapos.

_

Texto: Thamires Santos – assessora de imprensa da Sesau/PMJ.


Facebook Instagram Youtube