Incentivando a inclusão de pessoas com deficiência, Prefeitura de Juazeiro apoia projeto “Ginga sem Limites” através da capoeira

Início Incentivando a inclusão de pessoas com deficiência, Prefeitura de Juazeiro apoia projeto “Ginga sem Limites” através da capoeira

Incentivando a inclusão de pessoas com deficiência, Prefeitura de Juazeiro apoia projeto “Ginga sem Limites” através da capoeira

Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária - ADEAPAutarquia Municipal de Abastecimento - AMACasa dos ConselhosChefia de GabineteCompanhia de Segurança, Trânsito e Transporte - CSTTInstituto de Previdência de Juazeiro - IPJSecretaria de Administração - SEADSecretaria de Comunicação - SECOMSecretaria de Cultura, Turismo e Esportes - SECULTESecretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e DiversidadeSecretaria de Educação e Juventude - SEDUCSecretaria de Finanças - SEFINSecretaria de Gestão de Pessoas - SEGESPSecretaria de GovernoSecretaria de Meio Ambiente e Ordenamento UrbanoSecretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano - SEDURSecretaria de SaúdeSecretaria de Serviços PúblicosServiço de Água e Saneamento Ambiental - SAAE

Autor: Comunicação

Incentivando a inclusão de pessoas com deficiência, Prefeitura de Juazeiro apoia projeto “Ginga sem Limites” através da capoeira

Ampliando os espaços de inclusão, reflexão e acessibilidade, a Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc), apoia o projeto “Capoeira Inclusiva – Ginga sem Limites”, como forma de estimular a inclusão social, independência e autonomia de pessoas com deficiência, por meio da mistura de esporte, luta, dança, cultura popular, música e […]

04/10/2022 14h32 Atualizado há 2 meses atrás


Ampliando os espaços de inclusão, reflexão e acessibilidade, a Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc), apoia o projeto “Capoeira Inclusiva – Ginga sem Limites”, como forma de estimular a inclusão social, independência e autonomia de pessoas com deficiência, por meio da mistura de esporte, luta, dança, cultura popular, música e brincadeira, trazidos pela capoeira.

No último final de semana de setembro, Juazeiro foi sede do “1º Simpósio de capoeira inclusiva e 14º batizado e troca de cordas do grupo internacional”, com uma programação diversificada e aberta à comunidade. O evento teve atividades envolvendo a inclusão de pessoas com deficiência intelectual e múltipla, a partir da capoeira e da educação inclusiva. A iniciativa foi uma realização da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae Juazeiro) e Grupo Topázio, com o apoio da gestão Suzana Ramos.

A programação contou com palestras abordando os temas, “Capoeira adaptada uma perspectiva de saúde” e “Primeiros Socorros na Capoeira”, oficinas sobre primeiros socorros, educação alimentar e nutricional para o esporte, maculelê e berimbau, batizado e troca de cordas, aulão e encontro de capoeira, além de apresentações culturais de maculelê, show de capoeira e samba de roda e percussão.

O organizador do evento, professor Elton Lustosa destacou que o projeto busca oportunizar a integração das pessoas com deficiência nas atividades físicas e esportivas, superando limitações e promovendo a socialização de forma acessível. “A importância do projeto não se dá apenas pela prática esportiva, mas pela inclusão social que promove. Tornar a capoeira uma atividade acessível às pessoas com deficiência é um compromisso da gestão municipal em parceria com o “Ginga sem Limites”. O 1º Simpósio de capoeira inclusiva reuniu um público que prestigiou, interagiu e incentivou a valorização da inclusão de pessoas com deficiência no município, reafirmando a relevância do projeto Capoeira Inclusiva, implantado há 26 anos na Apae Juazeiro”, comentou o professor.

Texto: Camila Santana – Ascom/Seduc/PMJ


Facebook Instagram Youtube