“Benefício Variável à Gestante”: inclusão pode ser feita na Secretaria de Saúde de Juazeiro; saiba como

Início “Benefício Variável à Gestante”: inclusão pode ser feita na Secretaria de Saúde de Juazeiro; saiba como

As mulheres que estão gestantes e que já estão incluídas no programa Auxílio Brasil (antigo Bolsa Família), do Governo Federal, podem passar a receber uma renda extra: é o Benefício Variável à Gestante. Este benefício é destinado às famílias que tenham em sua composição mulheres em período gestacional e o cadastro para inclusão pode ser realizado na Secretaria de Saúde de Juazeiro (Sesau).

O ‘Benefício Variável à Gestante’ é composto por 9 parcelas consecutivas no valor de R$ 41,00. De acordo com a gerente de Assistência Nutricional da Sesau, Beatriz Lopes, as gestantes que já recebem o Auxílio Brasil, mas não estão incluídas no Benefício Variável podem ir à Secretaria de Saúde de Juazeiro, que fica localizada anexo ao prédio do Shopping Águas Center, na Avenida Adolfo Viana, de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h.

“Mesmo que a gestante entre no programa no meio da gestação, ela pode receber as nove parcelas. Além do Benefício Variável à Gestante, existe também o Benefício Variável à Nutriz, destinado às puérperas. Neste caso, são 6 parcelas de R$ 41,00 que a mulher pode receber após o nascimento do bebê. A mesma mãe pode, inclusive, receber os dois benefícios simultaneamente”, explicou Beatriz Lopes.

As mulheres devem procurar o setor de Assistência Nutricional com o cartão do Auxílio Brasil e cartão da gestante. No caso do Benefício à Nutriz, a mulher deve buscar a sede do Cadastro Único (CadÚnico) que fica na Rua do Paraíso, nº 253, bairro Santo Antônio, com Certidão de Nascimento do bebê e cartão do Auxílio Brasil. As beneficiárias que moram no interior podem buscar a Unidade Básica de Saúde (UBS) da comunidade.

A gerente de Assistência Nutricional da Sesau frisa que a Secretaria realiza apenas a inclusão no benefício, mas a avaliação dos dados e aprovação do benefício é de competência do Governo Federal. O prazo é de até 90 dias.

Texto: Amanda Franco – Ascom/Sesau/PMJ

Compartilhar

Facebook Instagram Youtube