Secretaria de Saúde de Juazeiro notifica primeiro caso suspeito de monkeypox

Início Secretaria de Saúde de Juazeiro notifica primeiro caso suspeito de monkeypox

Secretaria de Saúde de Juazeiro notifica primeiro caso suspeito de monkeypox

Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária - ADEAPAutarquia Municipal de Abastecimento - AMACasa dos ConselhosChefia de GabineteCompanhia de Segurança, Trânsito e Transporte - CSTTInstituto de Previdência de Juazeiro - IPJSecretaria de Administração - SEADSecretaria de Comunicação - SECOMSecretaria de Cultura, Turismo e Esportes - SECULTESecretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e DiversidadeSecretaria de Educação e Juventude - SEDUCSecretaria de Finanças - SEFINSecretaria de Gestão de Pessoas - SEGESPSecretaria de GovernoSecretaria de Meio Ambiente e Ordenamento UrbanoSecretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano - SEDURSecretaria de SaúdeSecretaria de Serviços PúblicosServiço de Água e Saneamento Ambiental - SAAE

Autor: Comunicação

Secretaria de Saúde de Juazeiro notifica primeiro caso suspeito de monkeypox

A Secretaria de Saúde de Juazeiro (Sesau) notificou o primeiro caso suspeito da varíola causada pelo vírus Monkeypox no município. O caso suspeito foi notificado nesta quinta-feira (4) e trata-se de um paciente de 32 anos, do sexo masculino, com histórico de viagem para os estados de Minas Gerais e Maranhão. O paciente apresenta sintomas […]

04/08/2022 21h08 Atualizado há 4 meses atrás

A Secretaria de Saúde de Juazeiro (Sesau) notificou o primeiro caso suspeito da varíola causada pelo vírus Monkeypox no município. O caso suspeito foi notificado nesta quinta-feira (4) e trata-se de um paciente de 32 anos, do sexo masculino, com histórico de viagem para os estados de Minas Gerais e Maranhão.

O paciente apresenta sintomas leves da doença e encontra-se em isolamento domiciliar. Foram coletadas amostras pelo Lacen, que serão enviadas para laboratório de referência. O paciente e os seus contatos estão sendo monitorados pela equipe da Vigilância Epidemiológica da Sesau. Eles foram orientados quanto às medidas de prevenção e controle da doença.

No dia 1º de agosto chegou ao conhecimento da Sesau uma notificação de um possível caso suspeito, que logo foi descartado. O caso não se enquadrava nas definições de caso suspeito e as lesões eram características de varicela.

E importante reforçar que ainda não há nenhuma confirmação de casos da doença no município e tampouco há transmissão comunitária do vírus na cidade. Toda e qualquer informação oficial será divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde.

Texto: Amanda Franco- Ascom Sesau


Facebook Instagram Youtube