Profissionais do Samu em Juazeiro passam por capacitação para melhorar o atendimento a pacientes com problemas respiratórios

Início Profissionais do Samu em Juazeiro passam por capacitação para melhorar o atendimento a pacientes com problemas respiratórios

Profissionais do Samu em Juazeiro passam por capacitação para melhorar o atendimento a pacientes com problemas respiratórios

Autor: Comunicação

Profissionais do Samu em Juazeiro passam por capacitação para melhorar o atendimento a pacientes com problemas respiratórios

Profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Juazeiro passaram, nesta quarta-feira (14), por uma capacitação para melhorar o atendimento a pacientes com problemas respiratórios. Cerca de 15 médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e socorristas receberam atualização do uso dos principais dispositivos para atender pacientes com esse tipo de problema. Com o tema […]

15/07/2021 17h45 Atualizado há 1 ano atrás

Profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Juazeiro passaram, nesta quarta-feira (14), por uma capacitação para melhorar o atendimento a pacientes com problemas respiratórios. Cerca de 15 médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e socorristas receberam atualização do uso dos principais dispositivos para atender pacientes com esse tipo de problema.

Com o tema “Oxigenioterapia no atendimento pré-hospitalar”, a capacitação foi feita pelo coordenador médico do Samu, Franclen Carvalho, e a coordenadora de Enfermagem,  Juliana Tupiná. Os estudantes do 8º período do curso de Medicina da Faculdade Estácio de Sá, Ayres Milano e Gabriel Andrade participaram da capacitação, compartilhando conhecimento sobre o tema com os profissionais do Samu.

“Nós precisamos estar sempre atualizados com tudo que envolva o atendimento pré-hospitalar que é a nossa principal prestação de serviço. É importante que os nossos profissionais possam perceber quando o paciente precisa da oxigenioterapia e o melhor uso dos dispositivos para melhorar os níveis de saturação de oxigênio para que o paciente chegue ao hospital o mais compensado possível”, explicou o coordenador do Samu, Franclen Carvalho.

Texto: Maria Lima – Ascom Sesau/PMJ


Facebook Instagram Youtube