Para melhorar condições do Mercado do Produtor de Juazeiro, diretoria segue discutindo novo ordenamento com representantes de diversos setores

Início Para melhorar condições do Mercado do Produtor de Juazeiro, diretoria segue discutindo novo ordenamento com representantes de diversos setores

Para melhorar condições do Mercado do Produtor de Juazeiro, diretoria segue discutindo novo ordenamento com representantes de diversos setores

Autor: Comunicação

Para melhorar condições do Mercado do Produtor de Juazeiro, diretoria segue discutindo novo ordenamento com representantes de diversos setores

Em busca de um novo ordenamento, a diretoria da Autarquia Municipal de Abastecimento (AMA) de Juazeiro vem se reunindo com representantes de diversos setores do Mercado do Produtor. O bom funcionamento do entreposto de alimentos esbarra em uma série de demandas envolvendo ordenamento, como o uso dos espaços, disposição das mercadorias, locais com ocupação inadequadas […]

02/07/2022 11h52 Atualizado há 5 meses atrás


Em busca de um novo ordenamento, a diretoria da Autarquia Municipal de Abastecimento (AMA) de Juazeiro vem se reunindo com representantes de diversos setores do Mercado do Produtor. O bom funcionamento do entreposto de alimentos esbarra em uma série de demandas envolvendo ordenamento, como o uso dos espaços, disposição das mercadorias, locais com ocupação inadequadas e o tráfego.

O atual gestor da autarquia, Carlos Neiva, que assumiu o cargo há cerca de dois meses, tem conversado regularmente com comerciantes, representantes de setores, carrinheiros e com a qualificada equipe de servidores. Na sexta-feira (01), juntamente com o diretor operacional, Irmão Bastos, e o superintendente operacional, Domingos Viana, Neiva se reuniu com comerciantes de mais um setor na busca incessante de melhorias no ordenamento do Mercado.

“Com a nossa convocação pela prefeita Suzana Ramos, nós estamos chegando com a missão de enfrentar as demandas históricas do Mercado do Produtor e o ordenamento é uma das questões mais importantes, porque permite melhorar as condições de comercialização, do tráfego, da circulação de clientes, por isso, precisamos ser firmes no propósito de colocar ordem no espaço do mercado”, explicou Carlos Neiva.



Texto: Rinaldo Lima – Ascom/AMA/PMJ


Facebook Instagram Youtube