Estudantes de escola municipal de Juazeiro participam de aula prática sobre gêneros jornalísticos

Início Estudantes de escola municipal de Juazeiro participam de aula prática sobre gêneros jornalísticos

Estudantes de escola municipal de Juazeiro participam de aula prática sobre gêneros jornalísticos

Secretaria de Educação e Juventude - SEDUC

Autor: Comunicação

Estudantes de escola municipal de Juazeiro participam de aula prática sobre gêneros jornalísticos

Alunos do 4° ano da Escola Municipal Professora Maria José Lima da Rocha, localizada no bairro João Paulo II, participaram de uma atividade baseada na produção de conteúdo a partir do uso dos gêneros jornalísticos. A iniciativa faz parte do projeto “A Tarde Educação”, oferecido pela Prefeitura de Juazeiro, por meio da Secretaria de Educação […]

29/08/2022 17h38 Atualizado há 5 meses atrás

Alunos do 4° ano da Escola Municipal Professora Maria José Lima da Rocha, localizada no bairro João Paulo II, participaram de uma atividade baseada na produção de conteúdo a partir do uso dos gêneros jornalísticos. A iniciativa faz parte do projeto “A Tarde Educação”, oferecido pela Prefeitura de Juazeiro, por meio da Secretaria de Educação e Juventude (Seduc), que incentiva o acesso à informação de forma educativa e dinâmica, trazendo a linguagem jornalística para a sala de aula, através do jornal e promovendo, entre outras coisas, o desenvolvimento da criticidade, do exercício da cidadania e do gosto pela leitura.

O objetivo é possibilitar que os alunos da rede pública de ensino tenham acesso à informação de forma acessível e segura, consumindo conteúdo confiável e de qualidade, para se tornarem multiplicadores de conhecimento. Na ocasião, foi apresentado os gêneros jornalísticos, responsáveis por informar, entreter e apresentar uma interpretação de credibilidade sobre determinada informação, posteriormente, foi solicitado que os estudantes produzissem um texto opinativo a partir da leitura de uma reportagem ou notícia acessadas exclusivamente, no Jornal A Tarde.

A professora da unidade de ensino, Maria José Lima da Rocha, Camilla Guirão, falou sobre o exercício proposto e a importância de instigar os alunos a pensarem de forma crítica. “Realizamos um trabalho com os tipos de gêneros jornalísticos pensando em suas respectivas funcionalidades, explorando a produção textual juntamente com a participação das famílias durante a execução. A turminha encontrou uma boa maneira de combinar leitura, oralidade e meios digitais. Cada aluno recebeu um link e senha para acessarem o jornal A Tarde, e com isso desenvolveram a atividade proposta”, explicou a professora, que continuou: “Em casa, os pais ou responsáveis realizaram a leitura de uma notícia e ou reportagem juntamente com a criança, explorando oralmente os detalhes das imagens que acompanhavam e sua relação com o texto. A proposta era que o aluno fosse capaz escrever um novo texto de opinião a partir daquilo que ele leu, com apoio e orientação da família. Todo material produzido foi enviado e compartilhado em nosso grupo de whatsApp. Os alunos também criaram vídeos de telejornal com notícias da comunidade e de assuntos relevantes da atualidade”, completou Camilla Guirão.

A notícia como recurso pedagógico

O coordenador do projeto “A Tarde Educação”, William Reis, falou sobre sobre esse novo recurso pedagógico. “O momento foi de aprendizagem para os alunos começarem a entender a necessidade de utilizarmos a notícia enquanto recurso pedagógico, considerando que, a informação é responsável por transmitir todos os eventos diários de interesse público. Levar para a sala de aula a forma adequada de consumir e produzir informação, permite a articulação das atividades entre as áreas de conhecimento, contribuindo diretamente para o aprendizado significativo da prática de leitura, produção e compreensão de conteúdos diversos”, comentou.

Texto: Camila Santana – Ascom/Seduc/PMJ


Facebook Instagram Youtube